shopping-bag 0
Items : 0
Subtotal : R$0,00
View Cart Check Out

1977 – Troféu Teresa Herrera





1977 – Troféu Teresa Herrera

Compartilhe:

Disputado pela primeira vez em 1948, o tradicional troféu é realizado na cidade da Corunha, na Espanha, sendo considerado um dos mais populares do mundo, devido à grandiosidade das equipes que os disputam. Historicamente, quatro equipes disputam o torneio, com uma estrutura de semifinal, terceiro e quarto colocados. Porém, desde 2009 (exceto em 2014), somente duas equipes disputam o título em partida única.

A competição é organizada pelo Deportivo La Coruña e as partidas são disputadas no Estádio Riazor. O troféu dado ao vencedor é uma reprodução em escala reduzida da Torre de Hércules, principal monumento histórico da cidade, confeccionada pelos joalheiros Malde y Arbonez, pesando aproximadamente 30 kg e tem 1.20 m de altura.

O Fluminense foi convidado para a disputa do torneio após a conquista do Torneio de Paris no ano anterior e aparecia como um dos favoritos ao título, ao lado da poderosa equipe do Real Madrid, último vencedor da Taça.

Após disputar amistosos na França, onde empatou com o Paris Saint-Germain em 1 a 1 e venceu a equipe do Nice por 2 a 1, o Tricolor chegou à cidade disposto a conquistar mais um título internacional. Hospedado no Hotel Finisterre, o Fluminense se preocupava com a estreia diante da equipe holandesa do Feyenoord, de contra ataques rápidos e forte marcação. A equipe colocada em campo pelo técnico Pinheiro, no entanto, teve uma atuação brilhante e com dois gols de Doval venceu a equipe holandesa por 2 a 0.

Após empate em 0 a 0 entre o espanhol Real Madrid e o theco Dukka de Praga, a partida seguiu para os pênaltis, com vitória e classificação do Dukka. A equipe vencedora do confronto possuía em seu time seis titulares da Seleção da Tchecoslováquia, apontada como uma das grandes sensações do Mundial de 1978. A partida final foi realizada na tarde de domingo, no dia 7 de agosto e levou ao estádio cerca de 40 mil espectadores. O confronto entre Dukka e o Fluminense levava a campo onze jogadores presentes na última Copa do Mundo.

A forte marcação sobre Rivellino foi em vão, Pintinho passou a bola para Luís Carlos que estufou as redes do goleiro Netolicka, aos 38min do primeiro tempo. Logo aos 8min do segundo tempo o Fluminense ampliou com Doval. Aos 16min Zezé aumentou ainda mais a diferença, colocando 3 a 0 no placar. Aos 31min, Vizek descontou para o Dukla cobrando pênalti, mas Marinho Chagas fechou o caixão marcando o quarto do Fluminense, também em cobrança de pênalti.

 

Os Jogos:
Fluminense 2 x 0 Feyenoord ( Holanda )

Data: 06/08/1977
Local: Estádio Riazor
Juiz: José Antonio Balsa
Equipe: Wendell, Rubens Galaxe, Tadeu, Edinho e Marinho Chagas; Luís Carlos, Kléber e Rivellino; Doval e Zezé.
Gols: Doval (2)
Público: não divulgado

Fluminense 4 x 1 Dukla ( Tchecoslováquia )

Data: 07/08/1977
Local: Estádio Riazor
Juiz: J. Salns Elizondo
Equipe: Wendell, Rubens Galaxe, Tadeu, Edinho e Marinho Chagas; Luís Carlos, Kléber e Rivellino; Doval e Zezé.
Gols: Luís Carlos, Doval, Zezé e Marinho Chagas (pênalti)
Público: 40 mil

Outros Resultados

Real Madrid 0 x 0 Dukla ( Dukla venceu nos penaltis )
Real Madrid 4 x 2 Feynoord

Compartilhe: