shopping-bag 0
Items : 0
Subtotal : R$0,00
View Cart Check Out

Fla x Flu

Sem o Fluminense, o Flamengo não chegaria à elite

Fla x Flu: Sem o Fluminense, o Flamengo não chegaria à elite

Compartilhe:

Antes de ler este artigo, leia: A Rebelião que culminou na rivalidade imortal

Ao ser criada a seção de futebol no Clube de Regatas do Flamengo, em 08 de novembro de 1911, com nove titulares campeões pelo Fluminense, era preciso filiar a nova equipe à Liga Metropolitana de Sports Athléticos (LMSA), mas para que isso fosse possível, era preciso vencer alguns obstáculos. O Flamengo precisava de um campo de jogo e de pelo menos um ano de filiação à Liga para que pudesse atuar em qualquer campeonato gerenciado por ela. A rivalidade dos dias atuais ainda não existia entre os Clubes e, o Fluminense, apesar da cisão que resultou na debandada de seus jogadores para o clube de regatas, fez questão de ajudar o novo time a se estabelecer.

O primeiro obstáculo foi vencido quando o Fluminense arrendou o campo da Rua Guanabara, hoje o Estádio das Laranjeiras, por uma quantia irrisória ao Flamengo, para que este pudesse mandar seus jogos. O fato foi relatado pelo próprio Alberto Borgerth, no Boletim do Fluminense em junho de 1952. O segundo e mais difícil obstáculo foi vencido quando Mario Pollo, que viria a ser presidente do Fluminense na década de 1940, usou sua influência para convencer os dirigentes da Liga para que alterassem o regulamento permitindo que o Flamengo disputasse o Campeonato Estadual de 1912, que terminou com o título do Paysandu. O Botafogo sagrou-se campeão disputando de forma isolada o Campeonato Estadual da Associação de Football do Rio de Janeiro.

Com o aceite da liga, deu-se em definitivo a transferência de nove jogadores titulares do time campeão do Fluminense de 1911 para o novo time do Flamengo, que nunca precisou passar pelas divisões de acesso do Campeonato Estadual graças à ajuda do Tricolor, diferentemente do que aconteceu com o Vasco da Gama, que atuou pela terceira e pela segunda divisão antes de chegar à elite do futebol carioca. O “Gigante da colina” também teve o apoio do Fluminense com a cessão das Laranjeiras para que pudesse mandar seus jogos e disputar a primeira divisão do campeonato Estadual, em 1923 (Leia mais aqui).

O Flamengo só foi ter seu estádio em 1938, e até esta data mandava seus jogos para o Estádio das Laranjeiras. O Rubro-Negro atuou na casa do Fluminense até a década de 1990 em 269 partidas, onde conquistou o campeonato Estadual de 1921 e de 1942. É o segundo estádio onde o Flamengo mais atuou ficando atrás somente do Maracanã, em seu próprio Estádio, na Gávea, o Flamengo atuou em 231 partidas.

Leia em seguida: Fla x Flu: O primeiro confronto do clássico das multidões

Galeria de imagens:

Compartilhe:

Rodrigo Barros

Escritor fluminense, é autor de livros, contos e poemas. Desenvolve em cima dos mais diversos temas e tem por hábito participar de antologias de contos com outros autores. É historiador e lançou recentemente o livro "De Oswaldo Gomes a Fred: A história do Fluminense Football Club no centenário da Seleção Brasileira".